Amor estragado.

Não, não foi isso que eu disse. Ainda te amo, mas o amor estragou. Ninguém ficaria com um sentimento estragado dentro de mim, assim deixei que ele fosse embora.
Você entendeu o que queria entender, entendeu que a culpa era minha porque assim queria que fosse. Mas, meu bem, as coisas não são como nós queremos. Nunca.

Um outro caminho (existe).

E se, para fugir da rotina que mastiga lentamente os meus dias, eu fosse por aquele outro caminho? É, aquela bifurcação que há pouco antes eu passei e segui a esquerda.
Esquerda ou direita? Nunca sei ao certo, só depois de levantar minha mão- direita- e escrever no ar.
Entrei a esquerda porque estava tudo ao contrário, mas e agora! Agora tudo começa a fazer um sentido todo novo e as cores e as direções todas novas.
Sim, meu bem, agora seguirei a direita.